Vídeo Marketing: O impacto nas marcas

Na era do consumidor digital, incorporar vídeo para uma estratégia de marketing eficaz deixou de ser uma opção e passou a ser uma necessidade.

Os marketers sabem que o vídeo é um componente crítico para uma estratégia de marketing eficaz porque a sua utilização nunca teve um peso tão grande como tem nos dias de hoje. Ainda restam dúvidas se tem recursos suficientes para criar e usar conteúdos de vídeo na sua estratégia de marketing? Vale mesmo a pena utilizar vídeos para promover o negócio? A resposta é sim.

Porquê o Vídeo Marketing?

Não só pelo facto de toda a gente usar esta estratégia, mas porque o vídeo é, atualmente, a ferramenta mais versátil e rentável. As empresas estão a utilizar o vídeo para comunicar com a audiência e 95% dos marketers planeiam manter ou aumentar o investimento em vídeo no ano de 2020. Portanto, é seguro dizer que esta tendência não está a abrandar e é fácil de explicar porquê.

O vídeo aumenta as conversões e vendas

A efetividade de um vídeo não é surpreendente, tendo em conta que a visão é o nosso sentido predominante. Para além de ser uma ótima ferramenta de aprendizagem, é também bastante fácil de consumir. De acordo com as estatísticas, 43% das pessoas afirmam que preferem ver conteúdo em vídeo por ser mais memorável do que texto e imagens.

Se pensarmos no perfil do consumidor moderno, sabemos que está demasiado ocupado para ler as descrições de um produto. Em vez disso, prefere ver o produto em ação. Por isso, incluir um vídeo numa landing page pode aumentar as conversões em 80%, isto porque o consumidor permanece tempo suficiente no website o que faz despertar o interesse em navegar por mais páginas.

Search Engine Optimization

O vídeo impulsiona o tempo de permanência dos visitantes no website e, consequentemente, os motores de busca valorizam esta ferramenta considerando-a como conteúdo de alta qualidade.

Desde que a Google adquiriu o YouTube, houve um aumento significativo na importância deste conteúdo para os rankings de pesquisa. Um estudo da Cisco afirma que até 2021 mais de 80% de todo o tráfego será proveniente do vídeo.

Mobile Friendly

Na era do mobile, o meio mais rápido para alcançar os millennials é o smartphone. Vivemos num mundo onde maior parte das pessoas procura solucionar os seus problemas através do acesso à internet. Sempre que é necessário fazer uma pesquisa, o reflexo é pegar no telemóvel por saber que a probabilidade de ter a resposta no momento é quase certa. Apesar de ser um dispositivo pequeno, o Google diz que é bastante poderoso. Cerca de 50% das visualizações do YouTube são provenientes de dispositivos mobile.

No que toca ao conteúdo, e com a massificação do social media, o que todas as empresas pretendem é produzir algo que possa vir a ser partilhado. Os dispositivos móveis vieram facilitar essa partilha por alterar significativamente a forma como acedemos ao conteúdo. Atualmente, 45% da população mundial é um utilizador ativo nas redes sociais o que equivale a 3.5 biliões de pessoas, valor que tende a crescer de dia para dia (Oberlo).

Tipos de Vídeo

Os vídeos podem assumir vários formatos, possibilitando a criação de conteúdos de destaque. Numa altura em que reter a atenção do público é cada vez mais difícil, o importante é perceber qual o propósito do que se pretende comunicar e desenvolver conteúdo mediante essas necessidades.

Apostando num bom storytelling, é possível captar a atenção da audiência. Desde vídeos de produto a vídeos corporativos ou testemunhos o vídeo é, uma vez mais, uma forma efetiva de transmitir informação por ser fácil de consumir e por criar engagement, existindo muitas outras opções de vídeo capazes de o fazer e empresas dedicadas à sua produção.

Com o crescimento do vídeo e com os dados estatísticos que comprovam a sua eficiência, os marketers devem continuar a usar o vídeo na sua estratégia de marketing.

É compreensível que num mundo cada vez mais digital e com tanta oferta, o objetivo seja criar uma ligação com a audiência através de um vídeo diferente e com personalidade. Apesar do desafio mais complicado ser o de se destacar da concorrência, o vídeo tem-se tornado bastante popular e todos os dias são exploradas novas formas de transmitir conteúdo.

Os smartphones estão em todo o lado e o vídeo marketing também – o importante é saber tirar partido disso.


Artigo escrito por:

video marketing, paulo couto, vídeo marketing, a pequena tulipa
linkedin

Paulo Couto

CEO & Creative Director d’A Pequena Túlipa

Feedback
0 de 5 estrelas. 0 votos.
O meu feedback:

Deixar uma resposta