As Martech e o Marketing Contextual

A transformação digital nas empresas trouxe consigo uma nova realidade ao mundo empresarial. O marketing é uma das áreas que mais se encontra em evolução e inovação constante. Novos conceitos foram aparecendo e outros foram reinventados, tais como as martech e o marketing contextual. A integração entre estas duas áreas tem sido uma aposta bastante frequente e tem-se verificado como vantajoso para muitas empresas, sendo que é considerada uma das megatendências para o marketing do futuro.

O que são Martech?

As MarTech (Marketing Technologies) designam todas as tecnologias de marketing usadas por profissionais desta área, que permitem facilitar e ajudar a sua atividade laboral diária. Podem tomar vários formatos, sejam estes softwares, plataformas ou ferramentas, no entanto, todas fazem a ponte entre o digital e o físico, permitindo uma análise 360º de todo o funil de marketing e vendas.

As tecnologias de marketing resultaram do cruzamento do marketing tradicional com o marketing digital e pressupõem a utilização e integração com algumas áreas e ferramentas, tais como: automação de marketing e vendas, analítica e gestão estratégica. Esta incorporação com a tecnologia é fundamental para que se possa tirar proveito do uso de martech.

O que é Marketing Contextual?

O marketing contextual é a criação de conteúdo de interesse, de maneira a captar novas audiências e fidelizar e agradar o público já existente. Esta produção de conteúdo pressupõe uma estratégia de personalização e relevância individual para membros únicos do seu target. Este aspeto é o fator que distingue marketing de conteúdos de marketing contextual. A individualização é a base da ação digital dos dias de hoje e esta é possível com a ajuda das martech.

A estratégia one-to-one deve ser aplicada em todos os aspetos e integrada com outras vertentes do marketing. Deve-se ter por base a atração, o estabelecimento de uma ligação e a fidelização de consumidores, com principal foco na segmentação.

A Integração do Marketing Contextual com as Martech

A personalização exigida pelo marketing contextual só é possível de atingir com a integração e análise dos dados recolhidos através das tecnologias de marketing. Toda a informação proveniente das plataformas de automação de marketing, dos softwares de CRM e ferramentas de analítica é necessária para a caracterização individual de cada lead, contacto ou cliente. É através desta definição que se consegue percecionar quais os conteúdos relevantes de serem abordados e que podem vir a ser vantajosos para o publico.

A automação de marketing permite a identificação, scoring e grading de leads, o CRM possibilita o registo e gestão de todas as interações com o contacto ou cliente e, integrando com analítica, é possível traçar um perfil, não só individual, mas também do público em geral. Este perfil deve incluir dados pessoais, demográficos, geográficos e comportamentais. A adaptação e uso destes dados vai depender do tipo de empresa, se esta for B2B ou B2C. Desta maneira, a criação e gestão dos conteúdos torna-se mais eficaz, transformando-se numa vantagem para as empresas.

Boas Práticas

Ao integrar o contexto com o digital, é possível gerir e explorar novas ações de marketing, permitindo assim a obtenção de bons resultados no digital.

1. Formato dos conteúdos

Um blogpost, um ebook, uma landing page e um vídeo são formas de transmitir conteúdo de maneira diferente e cada uma tem um envolvimento e um público específico. Variam na sua componente escrita, interativa e no seu objetivo. O trabalho do profissional de marketing é perceber qual o formato ideal cada tema e utilizador.

2. Scoring e Grading de Leads

Se existe interesse num produto, num serviço ou num conteúdo, a empresa precisa de saber. O comportamento de um indivíduo é informação preciosa, e esta tem de ficar registada na base de dados de maneira a caracterizar e atualizar a informação sobre o mesmo. Futuramente, este registo será uma mais valia na criação de conteúdos personalizados e na abordagem da equipa de vendas quando o utilizador demonstra intenção de compra.

3. Account-Based Advertising

Através de uma definição de um perfil exato, pode-se personalizar a publicidade direcionada aos utilizadores pertencentes a uma detrminada empresa no digital. Este tipo de anúncios permitem um envolvimento diferente com o público, estimulando o sentido de pertença e importância de ambas as partes.

4. Análise Estatística

Para além do registo e análise dos dados do público, existe uma necessidade de saber qual o engagement que cada conteúdo obteve junto do mesmo e perceber quais os temas pelos quais se demonstrou mais interesse e em que formato.

Sendo que, todas estas boas práticas podem vir a ser aplicadas a qualquer tipo de empresas, nada funcionará sem uma segmentação eficiente e coerente, sendo esta a chave para uma boa integração entre as martech e o marketing contextual.

Quer saber mais sobre MarTech e Marketing Contextual?

A Liminal, enquanto especialistas em MarTech, ajuda a sua empresa a selecionar e adaptar as tecnologias necessárias e ideais para si, guiando e acompanhando todo o processo. Desta maneira, garantimos que os objetivos são cumpridos e que é traçado o início do caminho para o sucesso.

Implementamos martech de acordo com as necessidades individuais da sua empresa e segundo a sua estratégia de marketing contextual. Aconselhamos sobre qual o conteúdo mais indicado para si, tendo em conta a sua empresa, o momento e meio de comunicação e o utilizador. Asseguramos assim a distribuição precisa da mensagem a comunicar ao público individual, optimizando o processo para que este se torne proveitoso e benéfico para a sua empresa e os seus clientes.

martech, marketing contextual, Tiago Sousa, Liminal, ISCAC, Coimbra Business School, aula marketing

Se quiser aprofundar o tema “As Martech e o Marketing Contextual” convidamo-lo a assistir a uma aula aberta sobre o tema. Irá realizar-se no dia 6 de abril, sábado, pelas 10 horas, no ISCAC Business School, sala 3.2. Reserve já o seu lugar!

Garantir Lugar

Feedback
5 de 5 estrelas. 1 votos.
O meu feedback:

Deixar uma resposta